Expandir Formosura

 


"A vida tem me dado flores e espinhos constantemente. Não sei se por merecer ou porque teimo em não aprender a lição que me é passada. Mas sigo forte, avante, pra frente, mesmo às vezes os espinhos sendo grandes e doídos, retiro-os e sigo, manca, não posso parar jamais, tenho muitos outros para retirar e muitas flores para ganhar."




Desabrocho-me junto à natureza,


Exalo perfume de suave odor,


Edifico a quem me rodeia,


Tento passar um verde delicado,


Abrir-me em flores mil.


🌹


Ternurear mansamente,


Embelezar ao redor,


Transfigurar ambiente,


Colorir o mundo lentamente,


Expandir formosura pelos poros.


🌹




Da minha varanda ...


Aos amigos que se sentem constantemente espetados por "espinhos", para que não desistam das rosas...





 

Comentários

  1. Que linda poesia,Roselia! E todos nós temos que saber sobreviver entre a alternância de flores e espinhos que a vida nos dá. E é bom quando assim conseguimos seguir... Lindo post! Lindas flores da tua varanda! beijos, ótimo dia! chica

    ResponderExcluir
  2. Bom dia minha Amiga Rosélia,
    A vida nos oferece flores e por vezes espinhos, mas com fé em Deus, o colorido das flores e seus aromas prevalecem e nos deixam mais leves.
    O poema é lindíssimo e nos fala disso mesmo!
    Linda música e rosinhas de sua varanda!
    Beijinhos fraternos de paz e bem e um dia muito abençoado.
    Ailime

    ResponderExcluir
  3. Tal como tu amiga, adoro flores, dão-me ânimo, alegram-me o dia, limpo-as de folhas velhas com muito carinho, e penso que é muito bom este nossa aconchego com as maravilhas com que a natureza nos presenteia. Gostei das tuas flores e da poesia odorosa. Um grande beijinho.

    ResponderExcluir
  4. Um poema muito belo.. Adorei a beleza!
    -
    Nas dobras do tempo...

    Beijos. Votos de uma excelente semana

    ResponderExcluir
  5. A vida é isso mesmo, uma sucessão de fores e de espinhos. Devemos viver as primeiras com fé e alegria, fortalecendo o nosso espírito para enfrentar os segundos.
    Abraço e saúde

    ResponderExcluir
  6. Abrir-me em mil flores...
    Ternurear mansamente...
    Que lindo querida Rosélia!
    E é o que a minha amiga nos oferece através das suas palavras sem par, das imagens, do cuidado que tem na sua amizade para cada um de nós. Esse "ternurear" cria raízes nos nossos corações.
    Muito obrigada, minha amiga.
    A sua varanda é linda☺️
    Beijinhos
    Olinda

    ResponderExcluir
  7. A vida é assim mesmo querida amiga, há que saber contornar os espinhos e apreciar toda a beleza das rosas.
    Maravilhosa poesia.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Expandir sempre o bem, o belo, o nosso melhor, fazer o viver florir, retirando os tantos espinhos da vida.

    Um abraço. Tudo de bom.
    APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

    ResponderExcluir
  9. Muito grata, amiga Rosélia! Os espinhos fazem parte da vida, há que seguir sempre, retirando-os e prosseguindo, mesmo mancando, sabendo que mais virão ao dobrar da esquina, mas também as flores estarão à espera.

    Beijinhos e feliz mês de Julho!

    ResponderExcluir
  10. O estado de espírito que evidencia revela uma alma generosa.
    As flores são as joias da natureza com que a embelezam e nos fascinam.
    Abraço de fraterna amizade.
    Juvenal Nunes

    ResponderExcluir
  11. Linda mensagem e imagens querida Roselia! Abração com carinho

    ResponderExcluir
  12. E assim vamos nós entre flores e espinhos...
    Beijos nas bochechas! (★‿★)
    🐞🌷🌺🌻🌸🦋

    ResponderExcluir
  13. Os espinhos são avisos
    Que o nosso jardim tem.
    Muitas vezes, tão concisos,
    Não poupam a mais ninguém.


    Beijo
    SOL da Esteva

    ResponderExcluir
  14. Fotos lindas e ótima escolha musical, amiga! Seus versos sensíveis mostram um coração cheio de cores, apto a enfrentar, com firmeza, qualquer tempestade. (Além de estar meio devagar, ainda tive problemas com o PC, mas vou chegando) Bjs.

    ResponderExcluir
  15. Como sempre, belas imagens e uma encantadora escolha musical, acompanham muito bem a sensibilidade das suas palavras, Rosélia, que tão bem, descreveram a essência das flores...
    Flores e espinhos... fazem parte da vida... preferimos as primeiras... mas as grandes lições de vida, vêm com os segundos... e acabam por ser eles, que nos fazem repensar o verdadeiro valor de tudo, para o melhor e o pior!...
    Finalmente passando por aqui, com algum atraso... mas sempre aparecendo... nesta fase em que o que gostaria de fazer, ainda não se aproxima do que efectivamente consigo fazer... mas há que aceitar que o tempo não chega para tudo... principalmente quando o cansaço acumulado, vai pesando, e tem uma palavra a dizer...
    Enfim!... Um dia de cada vez...
    Beijinhos! Bom final de domingo, estimando que tudo esteja bem, aí desse lado, consigo e com os seus, Roselia!
    Ana

    ResponderExcluir
  16. a magia das palavras, e particularmente dos textos poéticos da Rosélia
    dão-nos força para nos livrarmos dos espinhos!
    feliz semana amiga,
    perfumada por tão belas flores:)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Agradeço com Flores - 1 ano do Blog

Primavere-se!

Primavere-se! Diadema Floral